Existencialismo e Direito, o pensamento jurídico de Aluízio Ferraz Pereira

Antônio Braz Teixeira

Resumo


Resumo: O texto, que constitui a primeira parte de uma síntese sobre os caminhos da filosofia jurídica luso-brasileira no século XX, considera, sucessivamente, a reação antipositivista do início do século, as novas formas que o positivismo jurídico revestiu ao longo da centúria, a projeção do Neotomismo no domínio jurídico, a reflexão filosófico-jurídica que, partindo do neokantismo, veio a incorporar elementos da fenomenologia, bem como a tentativa de pensar o direito com base no existencialismo.


Palavras-chave: Positivismo jurídico; Neotomismo; Neokantismo; Fenomenologia; Existencialismo.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.