Estratégias de ensino e aprendizagem da ressuscitação cardiopulmonar neonatal para enfermagem: revisão integrativa da literatura

Jordana Luiza Gouvêa de Oliveira, Juliana da Silva Garcia Nascimento, Maria Célia Barcellos Dalri, Gabriel Segura Torres

Resumo


Objetivo: Analisar evidências científicas sobre as estratégias de ensino e aprendizagem quanto à ressuscitação cardiopulmonar neonatal utilizadas na atualidade para a enfermagem. Método: Revisão integrativa realizada, nas bases de dados National Library of Medicine, no National Institutes of Health, na Cumulative Index to Nursing and Allied Health Literature, na Latin-American and Caribbean System on Health Sciences Information, Embase, por meio do aplicativo Rayyan. Resultados: Identificaram-se 244 estudos e selecionaram-se 21. Elaboraram-se as categorias: principais estratégias de ensino e aprendizagem sobre ressuscitação cardiopulmonar neonatal; efetividade das estratégias de ensino e aprendizagem e lacunas no processo de ensino e aprendizagem. As principais estratégias foram: programa Helping Babies Breathe; simulação em laboratório, simulação in situ; e associação de estratégias. Todas se apresentaram efetivas, para o processo de ensino e aprendizagem, e a lacuna identificada foi a dificuldade em reter o conhecimento adquirido. Conclusão: As estratégias são na maioria inovadoras e efetivas para o processo de ensino e aprendizagem da ressuscitação cardiopulmonar neonatal.

Palavras-chave


Reanimação Cardiopulmonar. Recém-nascido. Educação em Enfermagem.

Texto completo:

PORT ENG


DOI: http://dx.doi.org/10.19175/recom.v9i0.3572

ISSN: 2236-6091

DOI:10.19175