Aspectos éticos e legais da doação de órgãos: visão dos estudantes de enfermagem

Izaura Luzia Silvério Freire, Bruno Araújo da Silva Dantas, Andréa Tayse de Lima Gomes, Micheline da Fonseca Silva, Ana Elza de Oliveira Mendonça, Gilson de Vasconcelos Torres

Resumo


Este trabalho objetiva descrever a visão dos estudantes de enfermagem sobre os aspectos éticos e legais da doação de órgãos e tecidos para transplantes. Método: Estudo descritivo, transversal, com abordagem quantitativa realizado na Universidade Federal do Rio Grande do Norte, em Natal/RN, no período de Abril a Junho de 2013. A população compôs-se de 121 alunos do curso de enfermagem, nos níveis superior e médio, que responderam ao instrumento da pesquisa. Resultados: A maioria era do sexo feminino (78,5%), com idade inferior a 25 anos. Dos estudantes, 91,7% responderam ser a favor da doação. Quanto ao tipo de consentimento utilizado no Brasil para a doação post mortem, 86,8% responderam corretamente. Conclusões: Acredita-se que o conhecimento e a informação em forma de campanhas de conscientização da população, conferem maior estímulo aos alunos para a prática da doação.

Palavras-chave


Transplante de Órgãos; Estudantes; Enfermagem

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19175/recom.v0i0.706

ISSN: 2236-6091

DOI:10.19175