O desamparo na construção do futuro de jovens em programas de assistência social

Vilsiane Almeida Sarruf Pini, Luciana Albanese Valore

Resumo


O estudo investigou os sentidos atribuídos ao futuro e à construção de um projeto de vida no discurso de jovens que frequentam o Centro de Referência de Assistência Social numa pequena cidade do interior, no sul do país. Realizaram-se treze entrevistas analisadas segundo o referencial da Análise Institucional do Discurso. Dentre outros resultados, evidenciou-se que, na comunidade discursiva da qual fazem parte, pouco se fala sobre o tempo por vir. Este parece ficar circunscrito à perpetuação da situação de pobreza vivenciada no presente. Tal condição, associada à sua percepção de que os programas de assistência visam exclusivamente à melhoria das condições materiais de vida, parece contribuir para a produção de um sentimento de desamparo quanto à possibilidade de dimensionar uma vida futura. Sugere-se a inclusão de ações de orientação profissional na prática do psicólogo na assistência social a fim de auxiliar a potencializá-la como estratégia de desenvolvimento e transformação social.

Palavras-chave: juventude; pobreza; projeto de vida; assistência social; desamparo.


Texto completo:

PDF




A Revista Pesquisas e Práticas Psicossociais é uma publicação eletrônica, mantida pelo Laboratório de Pesquisa e Intervenção Psicossocial e pelo Programa de Mestrado em Psicologia da Universidade Federal de São João del-Rei (LAPIP/PPGPSI/UFSJ). É um periódico aberto, registrado com o ISSN 1809-8908, de acesso livre na internet publicado quadrimestralmente, desde 2006. http://www.seer.ufsj.edu.br