Banda 6.0: a experiência da música na terceira idade

Priscila Valverde Fernandes, Edna Salgado Grangeiro, Maria Natividade Sá Alves da Silva

Resumo


O processo de envelhecimento é marcado pela passagem dos anos e por diversas transições biopsicossociais muito comuns. Atualmente, são verificadas formas novas de envelhecimento e garantir a qualidade de vida para idosos representa um desafio. O Centro de Convivência da Terceira Idade, serviço voltado para idosos, buscou utilizar a música como uma de suas ferramentas de trabalho. A proposta foi criar uma banda de música em que os idosos fossem participantes e coordenadores do próprio grupo. O trabalho foi realizado de forma transdisciplinar e foi considerado extremamente positivo, pois os idosos participantes trataram a banda com muito compromisso e seriedade. A banda lhes deu visibilidade social. Os idosos se dedicavam integralmente a ela de forma que cada apresentação foi satisfatória. Foram observados como resultados desse trabalho o fortalecimento da autoimagem, maior valorização do idoso de forma geral e, particularmente, o reconhecimento do idoso pela sua família e comunidade.

Palavras-chave: idoso; música; transdisciplinaridade.


Texto completo:

PDF




A Revista Pesquisas e Práticas Psicossociais é uma publicação eletrônica, mantida pelo Laboratório de Pesquisa e Intervenção Psicossocial e pelo Programa de Mestrado em Psicologia da Universidade Federal de São João del-Rei (LAPIP/PPGPSI/UFSJ). É um periódico aberto, registrado com o ISSN 1809-8908, de acesso livre na internet publicado quadrimestralmente, desde 2006. http://www.seer.ufsj.edu.br