Relações raciais no Brasil e a construção da identidade da pessoa negra

Márcia Cristina Costa Pinto, Ricardo Franklin Ferreira

Resumo


Este artigo possui o objetivo de refletir sobre o processo de construção da identidade da pessoa negra através das relações raciais brasileiras. Para isso, fazemos um percurso histórico desde a época do Brasil Colônia, em que o sistema escravista era vigente, até o Brasil republicano e a abolição da escravatura, abordando conceitos como a ideologia do branqueamento, ocorrida no final do século XIX e o mito da democracia racial, ideia que foi se desenvolvendo a partir de meados do século XX.  A percepção do modo como esses elementos se entrelaçam ajuda-nos a perceber que o caminho de conscientização e formação de uma identidade negra articulada a valores considerados positivos é um processo a ser construído.

 

Palavras Chave: Negro. Relações raciais. Identidade.


Palavras-chave


Relações raciais; Negro; Identidade.



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

A Revista Pesquisas e Práticas Psicossociais é uma publicação eletrônica, mantida pelo Laboratório de Pesquisa e Intervenção Psicossocial e pelo Programa de Mestrado em Psicologia da Universidade Federal de São João del-Rei (LAPIP/PPGPSI/UFSJ). É um periódico aberto, registrado com o ISSN 1809-8908, de acesso livre na internet publicado quadrimestralmente, desde 2006. http://www.seer.ufsj.edu.br