LER PARA CRER: O PROCESSO DE CONSTITUIÇÃO DE UMA BIBLIOTECA PEDAGÓGICA

Mauro Castilho Gonçalves

Resumo


A pesquisa examinou a constituição de uma biblioteca que pertenceu a uma antiga Escola Normal pública, localizada na cidade de Taubaté, estado de São Paulo. Denominava-se “Colégio Estadual e Escola Normal Monteiro Lobato”. Do ponto de vista geral, e a partir da constituição empírica do material, procurou-se verificar as relações entre o acervo bibliográfico e o debate legislativo, acadêmico e político em torno da temática “formação de normalistas” no período estudado. Procedeu-se à quantificação do material existente e à elaboração de percentuais correspondentes, considerando as categorias previamente selecionadas, para indicar e examinar as principais incidências e tendências teóricas, pedagógicas e políticas do acervo e suas relações com o momento histórico.

Palavras-chave: Cidade. Escola Normal. Biblioteca Pedagógica.


Texto completo:

XML

Apontamentos

  • Não há apontamentos.