O CURIOSO CASO JOÃO SALDANHA: REPRESENTAÇÕES A PARTIR DO DOCUMENTÁRIO MEMÓRIAS DO CHUMBO – O FUTEBOL NOS TEMPOS DO CONDOR

Lucas Toledo Gonçalves

Resumo


O presente artigo analisa as representações do uso político do futebol durante a Ditadura Militar brasileira, pela óptica particular do filme documentário Memórias do Chumbo – O Futebol nos Tempos do Condor (2012), uma produção da ESPN BRASIL, de autoria do historiador e jornalista Lúcio de Castro. As análises estão circunscritas ao eixo narrativo do filme, que analisa a curta passagem de João Saldanha, um importante personagem do futebol brasileiro da época, ligado ao comunismo, pelo comando técnico da seleção brasileira durante um dos momentos de maior opressão imposta pelo regime militar no País. Quanto à metodologia, foram contempladas neste estudo as perspectivas das fontes audiovisuais, em especial os filmes documentários, como importantes aliadas na transmissão e preservação do conhecimento histórico, e também a análise de periódicos, que se constituíram como essenciais fontes de pesquisa histórica. Pelas análises, foi possível concluir que o documentário Memórias se constitui como uma inédita fonte e objeto de pesquisa, especialmente ao apresentar novas interpretações para o tema.

Palavras-chave: Futebol. Ditadura Militar. Memórias do Chumbo. João Saldanha.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.