Políticas Editoriais

Foco e Escopo

Foco

 

A Revista Eletrônica nasceu e cresceu como projeto a partir do entusiasmo e da corresponsabilidade de colaborações articuladas pela equipe de professores do curso de Geografia (licenciatura e bacharelado), Departamento de Geociências da Universidade Federal de São Del Rei – UFSJ.

A ciência, a técnica e a comunicação são a base da “sociedade globalizada”, seus instrumentos e dispositivos possibilitam novas formas de interatividade, cuja força dialógica acontece em fluxos ininterruptos, nos permitindo falar da criação de uma cartografia capaz de localizar e explorar os fluxos das informações de um mundo que reconfigura seus territórios (re) - descobrindo novas territorialidades que, inclui o outro na construção do significado e sentido do conhecimento.

A sociedade globalizada com a logística dos seus espaços-tempos em rede pressupõe, mais do que nunca, o lugar. A espacialização de algumas das possibilidades do mundo, ou as inserções territoriais dos processos sociais no lugar exige um “retorno ao território”, ao “território usado”, conceito pelo qual o espaço geográfico, como “instância social”, faz parte do processo das transformações socioculturais mais recentes.

 

Objetivo

 

Socializar, preservar e estimular a produção de conhecimentos que resultam da exploração da dinâmica dos territórios deste mundo ligado em rede e, as suas consequências sociais e ambientais, bem como, a educação geográfica de caráter transdisciplinar, necessária para construir outras práticas e discursos territoriais, através do acesso aberto e público na Internet, de forma a permitir download, cópia, impressão e distribuição, busca ou link com o conteúdo, disseminando entre os seus leitores, professores do ensino superior e básico, alunos de pós-graduação e graduação, pesquisadores temas e questões da Geografia na forma de artigos científicos, relatos de experiências pedagógicas, entrevistas e resenhas de autores nacionais e estrangeiros, selecionados com base em critérios de criatividade e qualidade, através do sistema eletrônico de editoração de revistas científicas SEER/IBICT.

 

Campo Temático

 

Os artigos poderão cobrir ampla variedade de tópicos e práticas de Geografia, em diferentes áreas e especialidades, podendo atingir esse objetivo principal de quatro formas: oferecendo novas ideias e abordagens diferentes de Geografia;  relatando as melhores práticas e técnicas utilizadas em diferentes organizações escolares; analisando soluções inovadoras de casos práticos nos campos temáticos da Geografia; comunicando pesquisas recentes de vanguarda em Geografia.

 

 

TERRITORIUM TERRAM

 

A Geografia em todas as suas dimensões, para ser criativa precisa pensar que a Terra é mais que a superfície onde a vida acontece. A terra é o território da paisagem cultural, da anarquia do mercado, da lógica global.

É indiferente se temos a ilusão que o mundo se tornou esférico, ou plano porque os espaços e tempos herdados do Iluminismo sedimentados na Geografia e na História não são a forma acabada do Território da Terra, por isso, cada um pode pensar e sentir de acordo com a sua imaginação o Territorium Terram (território da terra).

A terra continua a ter montanhas, mares, desertos, ilhas, continentes, oceanos, nações e nacionalidades, línguas e religiões, culturas e civilizações; é o espaço do mundo que se fragmentou territorialmente, mais uma vez, mas, aonde a reflexão não chega a imaginação pode chegar.

 

PÚBLICO ALVO

 

Tem como público alvo pesquisadores, professores do ensino superior e básico, alunos de graduação e pós-graduação da Geografia.

 

 

SEÇÕES DA REVISTA

 

- Artigos Técnico-Científicos: textos que contenham relatos completos de estudos ou pesquisas concluídas ou em andamento.

 

- Relatos de Experiências Pedagógicas e Trabalhos de Campo: significativos e que mereçam ser compartilhados.

 

- Resenhas: análises críticas de livros cujo conteúdo se enquadre nos objetivos da Revista.

 

- Entrevistas: com acadêmicos da geografia e/ou outra área do conhecimento cujo trabalho desenvolvido representa importante contribuição científica e acadêmica. (a critério da Comissão Editorial).

 

- Resumo: A seção "Resumo" destina-se exclusivamente ao resumo dos projetos de pesquisa de alunos de pós-graduação.

 

A critério da Comissão Editorial poderão ser publicados artigos relevantes de obras clássicas de divulgação nacional e internacional, de acordo com as regras relativas a direito autoral.

Os originais serão publicados em língua portuguesa. Excepcionalmente, poderão ser publicados em espanhol, francês ou inglês. Os trabalhos de cada sessão terão submissões abertas e avaliadas por pares.

 

Política Editorial

 

Revista de Eletrônica de Geografia Territorium Terram

 

O Colegiado do Departamento de Geociências da Universidade Federal de São João Del rei, reunido em Assembléia, deliberou e aprovou o seguinte:

 

Da Disposição Geral

 

Art. 1 A RTT é veículo de divulgação e debate acadêmico do Departamento de Geociências da UFSJ.

 

Dos Princípios Fundamentais

 

Art. 2 São fundamentos da RTT:

 

I o pluralismo teórico-metodológico;

 

II a independência e a liberdade de opinião político-ideológica,

 

III a cooperação e o compromisso para com o desenvolvimento técnico-científico e cultural no âmbito da comunidade acadêmica.

 

Dos Objetivos Gerais

 

Art. 3 Publicar e divulgar trabalhos inéditos na área de Geografia;

 

Art. 4 Proporcionar o debate geográfico - sobre seu campo de conhecimento e saber.

 

Da Política Editorial

 

Art. 5 A RTT tem periodicidade semestral.

 

Art. É composta das seguintes seções:

 

I Dossiê a respeito de um tema relevante no campo da Geografia (quando e edição for especial);

II artigos diversos (livres);

II relatos de experiências pedagógicas e trabalhos de campo;

III resenhas;

VI entrevistas.

VIItTraduções de trabalhos: relevantes à ciência geográfica (a critério da Comissão Editorial).

 

Art. 7 A RTT é publicada em português.

 

 

§ único Serão aceitos, excepcionalmente, originais em alemão, francês e inglês, ficando a publicação condicionada à possibilidade de tradução e/ou indicação de relevância da veiculação em outra língua pelo Conselho Editorial.

 

Art. 8 Os textos deverão ser, obrigatoriamente, inéditos no Brasil. Os dados e conceitos veiculados serão de exclusiva responsabilidade do(s) autor(es).

 

Art. 9 A pertinência de publicação será avaliada pela Editoria (no que diz respeito à adequação ao perfil e linha editorial da RTT) e, por dois pareceristas (com relação ao conteúdo e qualidade das contribuições.)

 

No caso de pareceres discordantes entre si, a Editoria enviará o trabalho a um membro do Conselho Consultivo. Será garantido o anonimato de autores e pareceristas (sistema blind review) no processo de avaliação dos artigos.

 

§ único. O primeiro ou único autor será comunicado sobre o resultado da apreciação do texto encaminhado no prazo de sessenta (60) dias, a contar da data de recebimento pela Editoria.

 

Art. 10 A RTT é distribuída na modalidade on-line.

 

Art. 11 Cada edição poderá ser composta por até 30% de autores oriundos da UFSJ.

 

Da Estrutura Organizativa

 

Art. 11 A RTT possui a seguinte estrutura:

 

I Editoria

 

II Conselho Editorial (editor chefe, executivo e assistente);

 

III Conselho Editorial

 

Art. 12 A Editoria será composta por três editores: editor-gerente, editor executivo e editor assistente, eleitos dentre os docentes do Departamento Geociências da UFSJ, em Assembleia Departamental.

Art.13 Ao Editor-gerente caberá nomear os editores de sessão, o leitor de provas e o editor de layault e, também nomeará o avaliadores de cada revista editada conforme a temática dos artigos.

O mandato dos editores é de dois (2) anos, sendo permitida a reeleição.

 

Art. 13 São funções da Editoria:

 

I responder pela gestão e execução da RTT– Revista de Eletrônica de Geografia;

 

II estabelecer e manter o diálogo com o Conselho Editorial e com o Conselho Consultivo;

 

III indicar ao Departamento Geografia a nomeação e o desligamento de membros do Conselho Editorial e do Conselho Consultivo;

IV coordenar as atividades atinentes à secretaria e à edição da Revista.

 

Art. 14 O Conselho Editorial será composto por membros indicados pela Editoria e aprovados em Assembleia do Departamento de Geociências da UFSJ. Os membros do Conselho Editorial deverão ser pesquisadores e/ou professores com titulação mínima de doutor ou possuir notório saber nas áreas de interesse da RTT.

 

Art. 15 Compete ao Conselho Editorial:

 

I contribuir na definição da política editorial;

II emitir, quando solicitados, dentro de sua competência acadêmica, pareceres científicos em materiais enviados para publicação.

Art. 16 O Conselho Consultivo será formado por membros indicados pelo Conselho Editorial. O mandato dos membros do Conselho Consultivo será por prazo indeterminado, obedecendo às conveniências da RTT e do próprio consultor. Os membros do Conselho Consultivo deverão ser pesquisadores e professores com titulação mínima de Doutor e/ou possuir notório saber nas áreas de interesse da RTT – revista Eletrônica de Geografia.

Art. 17 Compete ao Conselho Consultivo:

I emitir parecer sobre os materiais enviados para publicação, quando solicitados pela Editoria e dentro de sua área de competência acadêmica;

II colaborar com o Conselho Editorial na apreciação das atividades da RTT.

 

Das Disposições Gerais

 

Art. 18 Os casos omissos a esta Política Editorial serão resolvidos pela Editoria, cabendo recurso à Assembleia do Departamento de Geociências da UFSJ.

 

São João Del Rei, 02 de junho 2012

 

Políticas de Seção

Editorial

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Artigos

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Relatos de Experiências Pedagógicas

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Resenhas

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Resumo

A seção "Resumo" destina-se exclusivamente ao resumo dos projetos de pesquisa de alunos de pós-graduação.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

A Revista Territorium Terram (RTT) adota o procedimento de avaliação por pares, em duplo cego, que pode resultar em três situações: aprovação (publicação conforme apresentado); diligência (publicação após revisão); recusa. O resultado da avaliação é comunicado ao autor, com transcrição das apreciações feitas pelos referees. Nos casos de diligência, o texto reformulado é reencaminhado para o referee que a solicitou.

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

 

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais...