O entrelaçamento corporal-psíquico na angústia: o caso da neurose de angústia na obra freudiana

João Paulo Brunelo Miguel

Resumo


Este artigo toma por objeto o conceito de angústia na obra freudiana. Nós consideramos que este conceito permite situar o problema do entrelaçamento entre corpo e psiquismo no interior de sua obra. Para tanto, realizamos uma abordagem histórica desse conceito, privilegiando seus relatos clínicos iniciais na neurose de angústia assim como certos textos-chave para este tema. Procedemos à análise da noção a partir de uma leitura contrastiva entre sua incipiente formalização conceitual em face de suas exteriorizações clínicas no quadro em questão. Fazendo isso, ponderamos se na neurose de angústia se enuncia para Freud, mesmo quando ele a define em termos de energia física, regimes rudimentares de entrelaçamento corporal-psíquico.


Palavras-chave


Angústia; Neurose; Corpo; Psiquismo; Freud.

Texto completo:

PDF