“Destruirás teu próximo como a ti mesmo” O fundamentalismo islâmico e a prática religiosa do homem-bomba

Rosana Coelho

Resumo


O presente artigo aborda o fundamentalismo religioso em sua dimensão discursiva. Tece considerações sobre o fundamentalismo islâmico e percorre os registros Simbólico, Imaginário e Real do corpo, articulando corpo e discurso para abordar a prática religiosa do homem-bomba. Aponta, por fim, os efeitos éticos e políticos desta prática no campo do sujeito.


Palavras-chave


Fundamentalismo, corpo, ética, política, psicanálise

Texto completo:

PDF