Evolução de um voçorocamento em área urbana no munícipio de Cruzilia, MG

André Ribeiro Barbosa, Rafael Begnane Andrade, Laura Malaguth, André Batista Negreiros, Gabriel Pereira

Resumo


A região do Sul de Minas é marcada pela existência de voçorocas, fato esse devido às condições do relevo e também a intensa prática de pecuária e agricultura sem os devidos cuidados com a utilização e conservação do solo. Além disso, o rápido e desordenado crescimento urbano tornou-se outro fator responsável por diversos impactos ambientais que comprometem o uso e a ocupação do solo, tais como a aceleração das erosões. Esses impactos tornaram-se um problema ambiental e social, inúmeras cidades vivenciam as consequências causadas pelas voçorocas, e os custos ao poder público para a recuperação destas áreas degradadas é significativo. A formação dessas voçorocas ocorre devido a uma série de fatores, que unidos aceleram o processo e comprometem a área com maior rapidez. Esta pesquisa busca apresentar o processo de voçorocamento na área urbana do município de Cruzília, Minas Gerais. A voçoroca tem mais de oitenta anos, com dimensões e profundidades significativas e constante aumento, principalmente em períodos chuvosos. Através de imagens do Satélite Americano Landsat 5-TM, Landsat 8, Sensoriamento Remoto e trabalhos de campo, pode-se calcular a evolução da mesma entre os anos de 1984, 2007 e 2014.

Palavras-chave


Recuperação de áreas degradadas; erosão do solo; impactos ambientais.

Texto completo:

PDF