Una giornata particolare: uma reflexão sobre a esfera pública e privada nos regimes totalitários

Alice Vieira Barros

Resumo


Resumo: Tomando como ferramentas teóricas principais o ensaio da filósofa Hannah Arendt acerca do funcionamento dos regimes totalitários intitulado “Sobre a natureza do totalitarismo: uma tentativa de compreensão” e o segundo capítulo de seu livro “A condição humana”, bem como o conceito habermasiano de “esfera pública” (no original alemão öffenlichkeit), este artigo tenciona analisar o
funcionamento das esferas pública e privada nos regimes totalitários. Tomou-se, como corpus de análise do fenômeno totalitário, o filme do diretor italiano Ettore Escola Una Giornata Particolare, obra cinematográfica bastante elucidativa do período histórico em questão.


Palavras-chave: Totalitarismo; Público; Privado.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.