Opção Contraceptiva de adolescentes e jovens universitários da região Centro-Oeste de Minas Gerais

Luciana de Lourdes Queiroga Gontijo Netto Maia, Bárbara Gomes Ribeiro, Eliete Albano de Azevedo Guimarães

Resumo


Trata-se de um estudo epidemiológico, descritivo, de caráter exploratório, com objetivo de fazer um levantamento da escolha do método contraceptivo entre os discentes da UFSJ, em 2010. A pesquisa foi realizada por meio de questionários com alunos matriculados e frequentes na UFSJ, de ambos os sexos com idade entre 18 e 24 anos. Com base na análise dos dados observa-se que 96% dos acadêmicos de enfermagem, medicina e farmácia e 93% de bioquímica utilizam algum método contraceptivo em suas relações sexuais. Conhecer a opção contraceptiva dos alunos da UFSJ campus Centro-Oeste (CCO) fornece subsídios para o planejamento de atividades de educação em saúde sobre a temática.


Palavras-chave


Estudante; Anticoncepção; Educação em saúde.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19175/recom.v0i0.113

ISSN: 2236-6091

DOI:10.19175