Análise de custos do tratamento de lesão por pressão em pacientes internados

Miguir Terezinha Vieccelli Donoso, Sara Almeida Souza Barbosa, Giovana Paula Resende Simino, Braulio Roberto Gonçalves Marinho Couto, Flavia Falci Ercole, Jaqueline Almeida Guimarães Barbosa

Resumo


Objetivo: Avaliar o custo do tratamento de lesões por pressão em pacientes internados, relacionado a materiais de curativos e mão de obra do profissional de enfermagem. Método: estudo transversal, descritivo, com dados secundários de análise de custos diretos com materiais de curativos no tratamento de lesões por pressão, realizado em hospital de médio porte, de ensino, no estado de Minas Gerais. A amostra foi não probabilística, totalizando 60 participantes. Resultados: em relação aos custos com tratamento de lesão por pressão, observou-se média de custo semestral de R$ 1.886,00 por paciente e, custo total de R$ 113.186,00. Quanto ao custo com profissionais da enfermagem, a maioria dos pacientes teve custo máximo de R$ 1.000. Conclusões: a avaliação da população e dos custos indicou que o tratamento de lesão por pressão acarreta custos elevados e onera as instituições de saúde. Medidas preventivas, quando possível, devem ser otimizadas, resultando em economia para a instituição.

Palavras-chave


Úlcera por Pressão; Economia da enfermagem; Enfermagem.

Texto completo:

PORT ENG


DOI: http://dx.doi.org/10.19175/recom.v9i0.3446

ISSN: 2236-6091

DOI:10.19175