O ensino do processo de enfermagem no contexto da Pandemia da Covid- 19

Luciana Regina Ferreira da Mata

Resumo


Diante do distanciamento social posto pela pandemia, como podemos lançar mão de estratégias pedagógicas para conduzir o ensino do processo de enfermagem? Dentre algumas possibilidades, têm-se o trabalho com pequenos grupos virtuais a partir de vídeos de simulação clínica que caracterizam um cenário para coleta de dados, estudos de casos fictícios para ensino do raciocínio diagnóstico, e a implementação de jogos virtuais para estabelecer feedback do conteúdo apreendido ao final das aulas. Essa discussão não se encerra. Neste momento, é comum termos mais perguntas do que respostas, mas a partilha destas preocupações permite reflexão e tomadas de decisões coletivas frente ao processo ensino-aprendizagem. Diante desses duradouros meses de pandemia da Covid-19 fica também uma certeza de que é possível mediar o ensino de alguns conteúdos por meio de ferramentas virtuais. Todavia, a interação humana e o contato físico que se dão por meio da prática clínica são imprescindíveis para consumação do aprendizado do processo de enfermagem.

Texto completo:

PORT ENG


DOI: https://doi.org/10.19175/recom.v11i0.4438

ISSN: 2236-6091

DOI:10.19175