Enfermagem em serviços de saúde mental: percepção sobre satisfação profissional e condições de trabalho

Sidnei Roberto Alves, Reginaldo Passoni dos Santos, Mirian Ueda Yamaguchi

Resumo


Objetivo: conhecer a percepção de trabalhadores de enfermagem sobre a satisfação profissional e condições de trabalho em serviços de saúde mental. Método: Estudo descritivo-exploratório, desenvolvido a partir do referencial de Bardin. A coleta de dados ocorreu entre abril e maio de 2013, com 70 profissionais de enfermagem, aplicando-se a Escala de Avaliação da Satisfação da Equipe em Serviços de Saúde Mental. Resultados: A partir dos relatos surgiram as seguintes categorias: (in) satisfação dos profissionais e propostas para melhoria nas condições de trabalho. Assim, fatores como condições de trabalho, carga horária e processo laboral estão diretamente relacionados à (in) satisfação profissional. Conclusão: Os resultados desta pesquisa podem subsidiar gestores institucionais para (re) organizarem o planejamento gerencial dos serviços de saúde mental, de modo que melhorem o ambiente e as condições de trabalho, o que pode refletir na satisfação profissional, bem como em melhoria da qualidade da assistência prestada pelos trabalhadores.

Palavras-chave


Enfermagem psiquiátrica; Satisfação no trabalho; Serviços de saúde; Condições de trabalho.

Texto completo:

PORT ENG


DOI: http://dx.doi.org/10.19175/recom.v8i0.1852

ISSN: 2236-6091

DOI:10.19175